Artigos

Como tirar o extrato do INSS pela internet

| Categoria: Direito Previdenciário


Existem dois tipos de extratos que o INSS emite e que são de fundamental importância para os cidadãos.

Um deles é o extrato de pagamento de benefícios do INSS. Este comprovante contém um histórico com todos os valores, a data e o banco onde o beneficio foi depositado.

O extrato de pagamento de benefícios pode ser utilizado para comprovar a renda de beneficiários que precisam solicitar cartões de crédito, fazer um financiamento ou empréstimo consignado em bancos e instituições financeiras.

O Extrato de Pagamento de Benefícios do INSS pode ser solicitado através da internet, diretamente no site MEU INSS.

Você deve acessar o site MEU INSS, fazer o seu login e escolher a opção “Extrato de Pagamento de Benefício”.

Saiba como fazer seu cadastro no MEU INSS caso você ainda não seja cadastrado.

Outro extrato importante para os beneficiários do INSS é o Extrato Previdenciário (CNIS).

Nele constam todos os vínculos trabalhistas e previdenciários constantes no seu Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

No Extrato Previdenciário (CNIS) é possível encontrar informações como o nome do empregador, o período trabalhado e a remuneração recebida, além das contribuições realizadas por meio de Guia da Previdência Social (GPS), na condição de contribuinte individual e/ou prestador de serviço (trabalhadores por conta própria).

Confira nosso texto sobre como contribuir para o INSS

Para retirar o seu Extrato Previdenciário pela internet, basta acessar o site MEU INSS e efetuar o login que fica no canto superior direito.

Caso seja o seu primeiro acesso ao site do MEU INSS, você deve realzar o cadastro. É bem simples e você pode se orientar pelo nosso texto que trata sobre o tema clicando aqui.

Após efetuado o login, escolha a opção “Extrato Previdenciário (CNIS)” que o seu extrato será emitido.

Tanto o Extrato Previdenciário como o Extrato de Pagamento de Benefícios são documentos que devem sempre ser verificados.

Por exemplo, para os trabalhadores com registro na Carteira de Trabalho, o extrato CNIS ajuda a acompanhar se o empregador está efetuando para o INSS os pagamentos da contribuição social, cujo valor é descontado do salário.

Outro documento importante é a declaração de benefício, que demonstra a forma como o benefício concedido foi calculado e o valor da RMI, que significa Renda Mensal Inicial, ou melhor dizendo, o valor da aposentadoria/benefício.

Com ela, junto ao extrato CNIS, é possível conferir se o valor concedido está correto.

Caso haja erro de concessão, o segurado tem direito à revisão, bem como receber os valores não pagos pelos últimos cinco anos.

Existem várias revisões que podem alterar significativamente o valor da aposentadoria.

Caso tenha mais dúvidas, entre em contato com a nossa equipe técnica pelos canais de comunicação disponíveis no site ou comente em nosso blog.


Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar nesse artigo


Deixe seu comentário abaixo.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *